quinta-feira, 18 de março de 2010

Ondas


Mesmo odiando a ideia de ter que ir para a praia obrigada, acabei me divertindo no final. Acompanhem minha história que vocês entenderão.
Era sexta-feira à noite, mamãe foi me avisar nos últimos minutos que nós íamos viajar. Nunca gostei de praia, ainda mais com família. Meu irmão mais novo só quer ir no mar, e quem tem que ir com ele? Claro, eu! Papai fica conversando com os amigos e quem tem que ir buscar as bebibas, adivinhem? Eu! Mamãe fica tomando sol e quem tem que passar protetor em suas costas? A filha mais velha, eu!
Entendem o porque de eu não gostar de ir á praia? Que bom, me sinto melhor assim.
Mas dessa vez foi diferente, era uma simples sexta-feira. Estávamos indo á praia, eu fui escutando musica, meu irmão foi jogando, mamãe reclamando e papai nervoso. Sempre foi assim, mas lá eles melhoravam um pouco.
E estão se perguntando porque foi diferente? Só começou a fazer diferença no sábado, quando eram nove horas da manhã e estávamos indo para a praia. Nada pra fazer lá, fiquei lendo uma revista, até que me deu uma louca vontade de dar uma volta pela praia. Passei bastante protetor, coloquei minha saia, peguei minha rasteirinha na mão e lá fui eu.
Caminhei por muito tempo, a água cobria meus pés, era uma delicia. A praia era vazia, porque era particular, então dava pra eu me localizar muito bem. Poucas pessoas estavam no mar.
Uma pessoa me chamou atenção, era um garoto, ele estava sentado em uma pedra na ponta da praia. Sem perceber eu estava parada e olhando para ele, enquanto ele, olhava o mar.
De repente ele se virou para mim e sorriu. Acabei sorrindo em resposta. Ele foi para a ponta da pedra e bateu com a mão ao seu lado, como se dissesse para eu me sentar lá. Atendi ao seu pedido, me sentei.
- Então, tem coisa mais bonita que isso? – Ele disse, ainda olhando para o mar.
-...Acho que não...- Eu disse, com vergonha.
- Pois é, mas tem.
- Tem? – Olhei para ele, com dúvida.
- Sim. – Ele deixou de olhar para o mar e me olhou nos olhos. – Você!
Depois de momentos com vergonha, depois de beijos, depois de uma paixão de momento ele se foi, mas ainda aguardo ele voltar com as ondas do mar.

__________________________________________________

Será que as ondas realmente voltam?
( recebi ajuda da @Bru_secret )

3 comentários:

  1. Que lindo ! Quase chorei ! Lindo o blog !
    da pra mandar historia ficticia ?
    bjs

    ResponderExcluir
  2. Ai que lindo! Amei a história.

    ResponderExcluir